O brasileiro ainda investe muito pouco. De acordo com a última edição da pesquisa “Raio-x do Investidor Brasileiro“, realizada pela ANBIMA, com dados do final de 2018, o percentual de brasileiros que não tinham qualquer tipo de investimento foi de 56%. Daqueles que investem, somente 42% afirmaram ter algum saldo aplicado em produtos de investimentos.

Isso se dá, em parte, pela pouca educação financeira da população. Em uma pesquisa feita com 1.050 brasileiros, realizada por uma gestora americana de recursos, a BlackRock, 61% dos entrevistados disseram não investir por não possuir dinheiro suficiente para aplicar. Já 37% responderam que não investem por falta de conhecimento sobre o assunto, e aproximadamente 20% dos brasileiros não investem por medo de perder TODO o seu dinheiro.

Mesmo entre aqueles que já investem, a falta de educação financeira se reflete também na forma de aplicar seus recursos. Investimentos mais ousados dificilmente estão nos planos do investidor brasileiro.

Para se ter uma ideia, apesar do baixo rendimento, 88% daqueles que já investem seu dinheiro ainda preferem a poupança – que hoje rende abaixo da inflação – como forma de aplicação e geração de renda, deixando de lado outras aplicações como fundos de investimentos, renda fixa e ações.

Portanto, percebe-se que a falta de conhecimento a respeito do mercado financeiro e de seus produtos dificultam o acesso da população a outras modalidades de investimento. Mas investir não é um bicho de sete cabeças, como alguns imaginam. Com um pouco de conhecimento adquirido, rapidamente se percebe que investir é mais simples do que parece.

Por que investir? 

Investimento não é cassino. Existem riscos, mas, com conhecimento suficiente, eles podem ser mitigados e adaptados à suas condições financeiras, objetivos e perfil. Tudo começa com o que você quer: 

Renda para Emergências

Boa parte dos brasileiros que guarda dinheiro o faz para conseguir usar em situações de emergência. Acidentes, problemas de saúde e imprevistos são acontecimentos que exigem renda disponível em pouco tempo. E por isso acabam aplicando na poupança ou mesmo guardando em casa. 

Se seu objetivo é ter uma reserva de emergência, produtos como Títulos Públicos, Tesouro Selic, CDBs e fundos DI são excelentes opções, pois, além de serem produtos mais conservadores e de menor risco, são alternativas com liquidez diária e de renda fixa. Portanto, são tipos de investimentos com rentabilidade maior que a poupança e com graus de risco semelhantes e até mais baixo.

Segurança Financeira 

Possuir segurança financeira, para não precisar se preocupar com dinheiro quando chegar à aposentadoria, é um desejo de grande parte dos brasileiros.

Se seu objetivo é de longo prazo, você pode procurar investimentos de baixa liquidez. Para quem tem perfil mais conservador e quer ter segurança no investimento, produtos de renda fixa de baixa liquidez como LCI, LCA, Títulos Públicos de longo prazo e debêntures podem ser a melhor opção. Já se você é mais propenso ao risco, investimentos em renda variável podem trazer grandes retornos financeiros.

Grandes Objetivos

Abrir seu próprio negócio, comprar uma casa ou fazer uma viagem com a família. Para conseguir realizar seus sonhos e construir um patrimônio sólido e próspero, planejamento financeiro aliado a investimentos bem executados são grandes diferenciais que o tornarão uma pessoa bem sucedida e realizada.

Para quem é jovem e tiver disponibilidade em aceitar maiores riscos, investir uma parte da renda ou do patrimônio em ações na bolsa de valores, por exemplo, pode ser uma boa opção para se ter maiores retornos e atingir suas metas futuras em um menor espaço de tempo.

Conclusão

Investir corretamente e de acordo com seu perfil demanda tempo, paciência e conhecimento, por isso, é sempre bom procurar por um especialista no assunto se você é um iniciante.

Uma assessoria de investimentos especializada pode ser o melhor caminho para você começar e aprender a investir seu dinheiro em opções que estejam em sintonia com seus objetivos futuros.Definindo suas prioridades e entendendo sua propensão ao risco, o especialista irá te ajudar a construir uma carteira de investimentos diversificada e ideal para seu perfil, de forma que você possa atingir seus objetivos com maior eficácia e segurança.

Consultoria Gratuita

Preencha o formulário para receber o contato de um de nossos consultores.

Felipe Chad
Autor

Felipe Chad, CFP®, é o sócio fundador do portal Omeupatrimonio.com.br e da 3P Capital. Tem vários anos de experiência em atendimento a clientes de alta renda e private, além de ser líder de equipe de assessores de investimentos há mais de 10 anos.

Escreva um comentário

Você está dentro!

Você receberá as notificações por e-mail. Se preferir, também pode receber pelo nosso canal no Telegram. Basta clicar abaixo para entrar.

Não saia sem garantir sua vaga gratuita no curso Patrimônio Blindado

Aprenda em 8 passos como montar o seu planejamento financeiro para proteger o seu patrimônio e nunca mais se preocupar oscilações do mercado.

Open chat
1
Posso te ajudar?
Olá, podemos te ajudar?